Este fim de semana pudemos nos encontrar com o irmão da Priscila. Ela já não o via há 8 anos e meio e eu… de fato não o conhecia ainda. Foi importante ver que ele não era apenas algo imaginativo, uma ilusão familiar coletiva, ou qualquer coisa do gênero.

Foi um tempo muito gostoso que tivemos em São Paulo, e já que não nos deram o visto para os EUA (“GET OUT OF AMERICA, seus POBRES!!!”), foi muito importante e providencial o Greencard deles e a possibilidade de voltarem ao Brasil. Ainda esta semana pretendemos nos encontrar uma última vez antes deles voltarem aos EUA.
Na foto ao lado estamos eu e a Pri, o irmão dela mais ao meio, os primos de Campos do Jordão, nossos sobrinhos, e o Pai da Pri.